Data

19 e 20 de Outubro de 2016

Local

Radisson Vila Olímpia - São Paulo

Palestrantes

20 Profissionais

Sobre o Evento

O aproveitamento energético dos resíduos através do biogás tem sido assunto cada vez mais presente nas diversas esferas da sociedade. Esse interesse crescente é devido, especialmente, ao fato de as vantagens do biogás não se limitarem a geração de energia, mas pelo mesmo auxiliar na redução de emissões de metano e de dióxido de carbono na atmosfera.

É pelo interesse em consolidar as discussões e fortalecer os atores envolvidos nesse setor que o Fórum do Biogás já chega em sua 3a edição. Empresas de diversos setores relacionados à produção, aproveitamento e beneficiamento do biogás terão, mais uma vez, a oportunidade de se apresentar para um público profissional e fazer contatos. Palestras inovadoras e debates com representantes de entidades públicas e de empresas do setor privado fornecerão insights sobre a indústria e discutirão os desafios para o desenvolvimento futuro.

Em paralelo ao fórum será realizado um matchmaking entre empresas de diversas partes do mundo, visando a troca de informações, discussão de projetos, formação e consolidação de parcerias.

Não fique de fora do III Fórum do Biogás!

Participantes Anteriores

Programacão

CREDENCIAMENTO

ABERTURA

PROPOSTA DE PROGRAMA NACIONAL DO BIOGÁS E BIOMETANO COMO FERRAMENTA PARA POLÍTICAS PÚBLICAS

DEBATE: AVANÇOS DO BIOGÁS NO CENÁRIO POLÍTICO NACIONAL

COFFEE-BREAK

PUBLIC POLICIES TO BIOGAS DISSEMINATION AT SWEDEN

BIOGAS - TRENDS ON THE GERMAN AND INTERNATIONAL MARKETS

ALMOÇO

AVANÇOS NAS POLÍTICAS PÚBLICAS NO ESTADO DE SÃO PAULO

CENÁRIO DO BIOGÁS E BIOMETANO NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

PROGRAMA GAÚCHO DE INCENTIVO À GERAÇÃO E UTILIZAÇÃO DE BIOMETANO

COFFEE-BREAK

DE RESÍDUOS SÓLIDO URBANO A ENERGIA LIMPA

PRODUÇÃO DE BIOMETANO: CASE CONSÓRCIO VERDE BRASIL

BIOMETANO EM VEÍCULOS PESADOS

ASSEMBLEIA GERAL ABIOGÁS

Arnaldo Jardim Secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, Brasil

Engenheiro civil pela Escola Politécnica da USP (Poli/USP), é membro do Conselho Consultivo do Instituto de Engenharia (IE). Foi secretário de Estado da Habitação (1992/1993). Eleito quatro vezes deputado estadual e três vezes deputado federal, foi relator da Constituição Estadual de 1989, da lei da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), do projeto de lei de Pagamento por Serviços Ambientais (PSA), autor do projeto de lei para a Política Nacional de Erradicação da Fome e Promoção da Função Social dos Alimentos e vice-presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Engenharia, Agronomia e Arquitetura do Brasil.

Artur Lemos Secretário Adjunto de Minas e Energia do Estado do Rio Grande do Sul, Brasil

Law School at the Pontifical Catholic University of Rio Grande do Sul – PUCRS (jun 1999 – dec 2005). Deputy state secretary of mines and energy at Rio Grande do Sul (since 2015). Chairman of the board in state company of energy - ceee (since 2015). Rio Grande do Sul's legislative branch - assembleia legislativa do rio grande do sul, Porto Alegre – RS (2011 - 2015). Zoobotanic foundation's of Rio Grande do Sul, porto alegre – RS (2006 – jan 2011). Rio Grande do Sul's legislative branch - assembleia legislativa do Rio Grande do Sul, Porto Alegre – RS (1999 - 2003).

Carina Lopes Couto Superintendente de Regulação dos Serviços de Gás Canalizado , ARSESP, Brasil

Carina Lopes Couto é Superintendente de Regulação de Gás Canalizado da Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo – ARSESP. Antes, de responder pela Superintendência, atuou como especialista em proteção e defesa do consumidor na Fundação Procon e trabalhou como advogada no escritório Ferreira Britto Advogados. Formada em Direito e pós-graduada em Direito Econômico, com ênfase em setores regulados, na Fundação Getúlio Vargas (FGV), ela, também, cursou o Program on Regulating Utility Markets, Finances and Prices da PURC (Public Utility Research Center).

Caroline A. Pertussatti Analista de Infraestrutura, da Secretaria de Recursos Hídricos e Ambiente Urbano do Ministério do Meio Ambiente (MMA)

Engenheira Ambiental formada pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (2010) e Mestre em Recursos Hídricos e Tecnologias Ambientais pela Universidade de Brasília (2013). Analista de Infraestrutura do quadro Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG), atualmente é lotada na Gerência de Resíduos Sólidos do Departamento de Ambiente Urbano do Ministério do Meio Ambiente (MMA), onde participa da implementação da Política Nacional de Resíduos Sólidos, realizando atividades tais como revisão do Plano Nacional de Resíduos Sólidos, preparação das reuniões do Comitê Interministerial de Implementação da Política e acompanhamento de Grupos Técnicos desse Comitê, ações de compostagem, entre outras. Foi Analista Ambiental do Ministério do Meio Ambiente (2012-2013) e trabalhou no Ministério das Cidades, na Secretaria de Saneamento Ambiental (2013-2014), já no cargo de Analista de Infraestrutura. Desde o início de sua carreira no Governo Federal em 2012, participou do Comitê Interministerial para Inclusão Social e Econômica dos Catadores de Materiais Reutilizáveis e Recicláveis (CIISC), coordenado pela Secretaria-Geral da Presidência da República, e do antigo Comitê de Implementação da Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P), do Ministério do Meio Ambiente. Foi tutora do curso de Educação à Distância sobre elaboração de planos simplificados de gestão de resíduos sólidos promovido pelo MMA (2014), é autora do Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos do MMA (2015) e auxiliou na revisão do Manual de Orientações para elaboração de plano simplificado de gestão integrada de resíduos sólidos – PSGIRS - para municípios com população inferior a 20 mil habitantes (2016).

Cícero Bley Presidente, ABiogás, Brasil

Cícero Bley Jr. é agrônomo e mestre pela Universidade Federal de Santa Catarina. É o atual Representante do Brasil na Agência Internacional de Energia (AIE) e foi superintendente de Energias Renováveis da usina hidrelétrica de Itaipu Binacional. Atualmente ocupa o cargo de presidente da Associação Brasileira de Biogás e Biometano (Abiogás).

Clemens Findeisen Consultant Development Cooperation, Fachverband BIOGAS, Germany

Em breve

Eduardo Azevedo Rodrigues Secretário de Planejamento e Desenvolvimento Energético do Ministério de Minas e Energia, Brasil

Em breve

Emmanuel Delfosse Chief Infrastructures and Gas Value Chain Officer, ENGIE Brazil, Brazil

20-years work experience in the energy sector, both in gas and electricity, managing multidisciplinary and multicultural teams and projects: construction, maintenance and operation of energy networks and substations, services in energy business (back-office, front-office, field activities), energy metering, asset management. Recently joined the new Business Unit ENGIE BRASIL.

Ernani Ciríaco de Miranda Diretor do Departamento de Articulação Institucional (DARIN) da SNSA (Secretaria Nacional de Saneamento Ambiental), Brasil

Em breve

Frederik Svensson Road Transport & Shipping Co-ordinator, The Swedish Gas Association, Sweden

Em breve

Igor Ferreira Bueno Superintendente de Saúde, Agronegócio e Química, FINEP, Brasil

Mestre em Economia pela UERJ e Graduado em Economia pelo Instituto de Economia da UFRJ. Lecionou em 2012 e 2013 as disciplinas de Economia Brasileira e Formação Econômica do Brasil na Faculdade de Administração da UERJ. Desde 2005 na FINEP (Financiadora de Estudos e Projetos), foi Coordenador do Inova Saúde (Biofármacos, Farmoquímicos e Medicamentos), Gerente do Departamento de Fármacos e Superintendente da Regional da FINEP SP. Atualmente exerce a função de Superintendente de Saúde, Agronegócio e Química

Lucas Monteiro AB Energy do Brasil, Brasil

Engenheiro mecânico, formado pela Universidade Federal de Itajubá. Iniciou sua carreira em 2008 pela Siemens no segmento de turbinas a vapor, onde passou pelas áreas de engenharia de projetos e em 2011 migrou para a área comercial. Naquele momento, responsável pelo segmento de geração/cogeração à biomassa no Brasil e Uruguai, desenvolveu e implantou projetos em usina de açúcar e álcool, indústria de fundição, alimentos e termelétricas à biomassa. Desde 2015 é responsável comercial na AB Energy do Brasil.

Marcelo Mendonça Gerente de Planejamento Estratégico e Competitividade, ABEGÁS, Brasil

Em breve

Marco Antônio Vaz Capute Secretário de Desenvolvimento Econômico, Energia, Indústria e Serviços do Estado do Rio de Janeiro, Brasil

Engenheiro eletricista formado pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), Marco Antônio Vaz Capute ingressou por concurso público na Petrobras, em 1979, onde fez curso de especialização em Comércio e Suprimento de Petróleo e Derivados. Marco também é pós-graduado na área de Administração - MBA Executivo - na COPPEAD/UFRJ e fez curso de extensão em Estratégias de Marketing na Harvard Business School, em Boston, nos Estados Unidos.

Marco Aurélio Pavarino Coordenador geral de Biocombustíveis da Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (SEAFDA), Brasil

Em breve

Otto Fonseca Cardoso Coordenador da Carteira de Novos Negócios e Tecnologias, Sulgás, Brasil

Engenheiro Civil, formado há 25 anos pela PUC-RS, com especialização em engenharia de dutos. Atualmente coordena a Carteira de Novos Negócios e Tecnologias da SULGÁS, empresa em que trabalha há 13 anos.

Plinio Mario Nastari Presidente, DATAGRO, São Paulo, Brasil

Plinio Nastari é presidente da Datagro Consultoria, com escritórios em São Paulo, Recife, Santos e New York, e clientes em 41 países, é mestre e doutor em economia agrícola pela Iowa State University. Foi diretor executivo e presidente do Conselho Diretor da Associação Brasileira de Engenharia Automotiva, membro de comitês técnicos do Conselho Interministerial do Açúcar e do Álcool, Comissão para Reexame da Matriz Energética, e Comissão de Energia Nacional. Assessorou produtores, bancos, tradings e governos desde os primórdios do Proalcool no Brasil, em 1978. Durante 18 anos foi professor de micro e macro economia nos programas de graduação e pós-graduação da Fundação Getulio Vargas em S.Paulo. Em disputas internacionais, atuou como coordenador da defesa do Brasil no caso das exportações de álcool do Brasil para os Estados Unidos, junto à Corte Internacional de Comércio em Washington, e foi o economista responsável pelos casos do açúcar, bananas e pneus contra a Uniao Européia, junto à Organização Mundial de Comércio, em Genebra. A Datagro tem assessorado a maior parte dos investidores e bancos que tem realizado negócios em açúcar e etanol no Brasil nos últimos anos.Organizadores de conferências em New York, São Paulo e Araçatuba.

Suani Teixeira Coelho Professora, Instituto de Energia e Ambiente da Universidade de São Paulo, Brasil

Em breve

Apresentações

PROPOSTA DE PROGRAMA NACIONAL DO BIOGÁS E BIOMETANO COMO FERRAMENTA PARA POLÍTICAS PÚBLICAS

CÍCERO BLEY

BIOGAS - TRENDS ON THE GERMAN AND INTERNATIONAL MARKETS

CLEMENS FINDEISEN

PUBLIC POLICIES TO BIOGAS DISSEMINATION AT SWEDEN

FREDERIK SVENSSON

PRODUÇÃO DE BIOMETANO

OTTO FONSECA CARDOSO

PROGRAMA GAÚCHO DE INCENTIVO À GERAÇÃO E UTILIZAÇÃO DE BIOMETANO

PAULO ROBERTO PEREIRA

BIOGÁS - OPORTUNIDADE DE GERAÇÃO FIRME E DE QUALIDADE PARA SEGURANÇA ENERGIA

PATRÍCIA GONZALES

Registre-se Agora

INSCRIÇÕES COM DESCONTO:

• Associados Abiogás: inscrição gratuita para até 3 participantes da empresa. Inscrições para os demais participantes no valor de R$175,00.

• Matchmaking: R$1.500,00 com direito a inscrição de 3 participantes. Envie os dados (nome completo, cargo, empresa, e-mail, telefone, endereço e CPF) para abiogas@abiogas.org.br

• Estudante: inscrição no valor de R$175,00, mediante aprovação. Envie cópia do comprovante de matricula ou da Carteira de Estudante para:abiogas@abiogas.org.br

Matchmaking

O que é: Uma ferramenta para potencializar a troca de contatos e o estabelecimento de contatos entre empresas, clientes e fornecedores, instituições financeiras, etc.

Como funciona: Os representantes terão 5 minutos realização de uma apresentação oral. Após a apresentação de todas as empresas, os ouvintes terão a oportunidade de buscar diretamente os representantes para estreitar os contatos.

Execução:  A dinâmica consiste de duas fases: a primeira, de apresentação e a segunda, de interação.

Apresentação: Os ouvintes são dispostos em mesas redondas. Uma cadeira deve ficar livre em cada mesa. Esta cadeira será ocupada por um representante de empresa que, em cinco minutos apresentará seu produto/serviço. Os participantes deverão só ouvir, e não é permitido fazer perguntas na fase de apresentação. Após a finalização de sua apresentação, o representante deverá partir para outra mesa para fazer sua apresentação novamente. O representante fará sua apresentação tantas vezes quantas o número de mesas dispostas na sala. Esta etapa terá a duração de 1 hora.

Interação: Os ouvintes poderão buscar diretamente os representantes para conversas mais específicas, esclarecimento de dúvidas e avaliação da possibilidade de negócios. Esta etapa terá duração de 2 horas

Finalização / Follow Up: Após duas semanas, será enviado um formulário de avaliação com os representantes de empresas participantes.

Patrocinadores do Evento

Local do Evento

RUA FIDÊNCIO RAMOS, 420
SÃO PAULO – SP - 04551-010

RADISSON VILA OLÍMPIA

Encontrar Direção

Contato

Patrocinadores do Evento

Como patrocinador do nosso evento, você terá a oportunidade de posicionar a sua empresa como uma apoiadora dos mais importantes debates sobre biogás. Para informações adicionais e preços, entre em contato conosco.